Simplesmente Sys

"Meus versos em enigmas agora ecoam"

Textos


Será a idade?
 
Ontem à noite fui ao supermercado, não no que eu vou sempre, fui em outro.
Eu precisava com urgência de um funil pequeno e já passavam das 20h.
Enquanto eu procurava a sessão de utensílios para cozinha, um jovem muito bonito ia saindo de um dos corredores supermercado, ele me olhou com muita alegria no olhar e um sorriso com aparelhos.
Fez um movimento em minha direção, como se fosse me abraçar, e eu, eu fiquei parada olhando. Ele ficou sem graça, tinha muita gente observando. Então ele fez “ah”! E eu me senti envergonhada da minha falta de memória, eu disse muito sem graça, “Não estou te reconhecendo”. E mesmo não reconhecendo eu abracei o rapaz. (Risos)
Como posso meu Deus, abracei sim, ele era tão bonito, bem vestido e parecia me conhecer.
Ele por ser mais alto que eu, abaixou o olhar e disse: “Você se lembrou”?
Comecei a rir, enquanto meu esposo observava a cena sem entender nada, na verdade eu olhei para meu esposo pedindo socorro, queria que ele me falasse quem era o rapaz, pensei que ele ia se aproximar e cumprimentar o rapaz, mas não, ele também não reconheceu.
O rapaz me aperto nos braços e disse o nome do irmão dele e vendo que eu ainda continuava sem saber, falou o nome da minha sobrinha Marcela.
Que alivio! Era o cunhado da minha sobrinha.
Então eu disse para meu esposo quem ele era, e ele balançou a cabeça dizendo que não conhecia.
O jovem explicou que eles só se viram uma vez, mas eu, não tinha como esquecer dele.
Mas eu disse rindo: “Você lembrou porque é jovem”
Ele riu e nos despedimos.
Voltei para casa preocupada com este acontecimento. Será a idade?
Vou procurar um médico, eu enh!





 
Simplesmente Sys
Enviado por Simplesmente Sys em 20/01/2018
Alterado em 20/01/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Simplesmente Sys). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras